Antes de contratar os serviços de profissionais que atuam no mercado de capitais, como consultores e analistas de valores mobiliários, agentes autônomos de investimentos e administradores de carteiras, o investidor deve compreender o papel de cada um e sempre verificar se o profissional é autorizado a exercer a sua atividade.

Essa consulta é igualmente importante nos casos dos profissionais que oferecem serviços pela internet, pois tem sido muito comum o uso das redes sociais e de outros meios eletrônicos de amplo alcance para a divulgação e a realização de ofertas de serviços “disfarçadas” de cursos, webinars, apresentações e outras iniciativas “educacionais” que, se realizadas por pessoas ou instituições não autorizadas pela CVM, caracterizariam o exercício irregular da atividade.

Se o investidor não localizar o registro do profissional, ele deve estar atento, pois há a possibilidade de estarem lhe oferecendo um serviço sem a autorização prévia necessária, o que pode lhe trazer riscos adicionais. Nesse caso, o investidor pode apresentar consulta, reclamação ou denúncia à CVM, pelos canais de atendimento disponíveis no site da Autarquia, www.cvm.gov.br, em Atendimento.

A consulta aos administradores de carteiras registrados na CVM é feita diretamente no Cadastro Geral de Regulados.

Na tela de consulta, basta informar o nome ou razão social do profissional ou da empresa, ou ainda o CNPJ ou CPF. A consulta pode ser feita também pelo tipo de participante “PREST. SERVIÇOS DE ADMINSTRAÇÃO DE CARTEIRAS”, e é importante o investidor verificar se a situação do profissional não está cancelada ou suspensa.

A CVM mantém em sua página na internet uma relação dos agentes autônomos de investimento, com a inscrição dos nomes dos profissionais, como forma de comprovação do registro, para que os investidores possam averiguar se os agentes responsáveis pelo seu atendimento estão regularmente credenciados.

A consulta é feita diretamente no Cadastro Geral de Regulados da CVM. Na tela de consulta, informe o nome ou razão social do profissional ou da empresa, ou ainda o CNPJ ou CPF. A consulta pode ser feita também pelo tipo de participante “AGENTES AUTÔNOMOS”, e é importante o investidor verificar se a situação do profissional não está cancelada ou suspensa.

No caso dos Analistas de Valores Mobiliários, a lista dos profissionais habilitados está disponível na APIMEC, Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais, entidade autorreguladora que concede o registro prévio a esses profissionais. A consulta pode ser feita diretamente no site da instituição, www.apimec.com.br, no menu “Participantes Credenciados”.

Importante o investidor lembrar que essa consulta é importante mesmo no caso de receber acesso, ainda que gratuito, a relatórios de análise, periódicos, vídeos ou cursos, disponíveis nas redes sociais ou internet, que recomendem valores mobiliários específicos, para que o investidor possa considerar em suas decisões apenas as recomendações realizadas por profissionais devidamente habilitados.

Os investidores podem consultar a relação de consultores de valores mobiliários registrados na CVM diretamente no Cadastro Geral de Regulados.

Na tela de consulta, informe o nome ou razão social do profissional ou da empresa, ou ainda o CNPJ ou CPF. A consulta pode ser feita também pelo tipo de participante “CONSULTOR DE VALORES MOBILIÁRIOS”, e é importante o investidor verificar se a situação do profissional não está cancelada ou suspensa.